Iuris Naturis

Um Blog muito Natural e amigo do Ambiente com o principal objectivo de racionalizar os seus visitantes.

domingo, fevereiro 19, 2006

Retrocesso humanista

Touros de Morte, de Tortura e de mais qualquer coisa.

Mais massacre aos Touros se aproxima por terras espanholas mais concretamente em Pamplona. A largada dos Touros é uma tradição antiga na cidade, assim como em Barrancos, que arrasta multidões para ver tal triste espectáculo.

Andei a perguntar às pessoas que são a favor dos Touros de morte o que de tão especial há em ver um Touro a ser massacrado em plena praça pública até morrer de dores e de exaustão, e todos me respondem da mesma maneira: é uma tradição! E como é uma tradição, ai daquele que quiser acabar com a tradição, pois isso seria acabar com a cultura do Povo e claro, seria a mesma coisa que destruir a identidade tradicional de cada povo, em especial do povo ibérico!
Dizem os mais letrados no assunto que essa tradição vem de longe e funda as suas raízes nas tradições Clássicas. Ora, recorrendo à minha humilde sabedoria histórica, a tradição Romana era também feita de Gladiadores que lutavam com bravura nas arenas enfrentando Homens e bestas. Por vezes até, enfrentavam as bestas sem espadas ou qualquer protecção o que elevava ainda mais a sua bravura. Pois bem se isto é uma tradição, porque não aplicá-la nos nossos dias? Seria muito mais divertido ver meia dúzia de populares a enfrentarem os touros sem qualquer protecção ou espada e sem possibilidade de fugirem do recinto até que acabassem com a raça do animal (tal como manda a tradição, claro).
zzzzzz
Mas parece que todos tendem a esquecer a Declaração Universal dos Direitos do Animal proclamada na UNESCO em 15 de Outubro de 1978 que em 14 artigos defende a vida e dignidade dos animais, sejam eles quais forem! É uma pequena nota que a Lei Portuguesa (19/2002 de 31 de Julho) não releva o que infelizmente é de lamentar.
zzzzzzzzzzzzz
Fiquei muito satisfeita (quase que aplaudi de pé) quando ouvi nas noticias que um touro subiu para uma das bancadas de uma praça de touros no México, distribuindo cornadas a quem lá estava a assistir ao massacre, que muitos chamam de espectáculo. O que eu chamaria de ?virar o feitiço contra o feiticeiro?.

Uma última nota vai no sentido de tentar mudar esta mentalidade, quanto a mim ultrapassada e rude, de aplaudir tão triste ?circo? pois não me parece que os bobos sejam os animais (que não têm culpa de serem Touros e de sofrerem tão trágico destino) mas sim as pessoas que se divertem a ver o sofrimento dos pobres animais.

Só me resta esperar que essas mentalidades mudem e de preferência que mudem rapidamente para não assistir a mais cenas degradantes.
Como diz Ghandi: "A grandiosidade de uma nação pode ser julgada pela forma como os seus animais são tratados."
Por um mundo mais Verde.

Endereço do Iuris Naturis mudou!

Atenção(!) O Iuris Naturis mudou de endereço: iurisnaturis.blogspot.com apenas com um "s" no naturis.

Agradecimentos ao colega Gonçalo Rosas do blog Iuris pela advertência.

Catarina Amorim

web tracker